sábado, 20 de novembro de 2010

O País da Maravilhas


Se me reinvento em versos e me encontro em cores, minhas emoções nunca deixaram de ter sabores. Não sou completamente triste e nem totalmente feliz, preciso de sentimentos contraditórios intensos para ouvir a multidão que vive em mim. Enveredo por caminhos tortuosos para amanhecer em paisagens distantes. O mundo da arte me engoliu e me consumiu até que eu pudesse me render. Preciso da companhia dos livros para entender outras histórias. Preciso de um norte para caminhar em paz e quando a angústia me invade me afogo em palavras e me salvo em poesias. Na escuridão da noite eu me acho forte, muitas vezes à luz do dia sobra um gosto de ressaca quando a insônia me engole. Torturada por textos que gritam em mim eu crio personagens. Nasce uma história e mais outra e assim bordo em vida outras vidas. Para o processo acontecer muitos anos se passou e eu passei a ser uma observadora de vidas e de pessoas, isso refinou meus sentimentos. A mesma sensibilidade que me recolhe e me ilumina também me tortura e me desanima. Ah, se eu pudesse escolher. Eu faria tudo de novo, pois não existe país mais lindo do que esse e teve até quem o chamasse de País das Maravilhas.
Denise Portes

(Pra Néia, que como eu, que também vive no País das Maravilhas.)

http://eternosim.blogspot.com/

17 comentários:

Mônica Suñer disse...

Entrei em seu blog, pois gostei de como se descreveu e aqui, achei ainda, outras coisas lindas. Vou linkar para te seguir e aos poucos ler todos os seus posts antigos. Bjs

Maíra K. disse...

Eu também faria tudo de novo, tudo exatamente igual. =)

Bloguinho da Zizi disse...

Quanto leio teu texto sinto como se estivesse numa onda do mar, indo e voltando, de maneira suave.
Se formos ver, estamos fazendo tudo de novo.
Beijinho Denise e um final de semana de muita paz.

Mimo Chic disse...

Denise...

escreves lindamente....
arrepia a alma...
toca o coração....

um tesouro que amamos ter encontrado...

Tão gostoso passear pela net e encontrar um lugar tão especial... !!!

ah... e vamos te esperar lá no MIMO CHIC, porque com a sua companhia vai ser muito mais gostoso dividir a porção de coisas gostosas que deixamos lá !!!

hug,

Lulú & Sol

Obs : viramos seguidoras, viu ?

Néia (Dulci) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Néia (Dulci) disse...

"Enveredo por caminhos tortuosos para amanhecer em paisagens distantes".
"A mesma sensibilidade que me recolhe e me ilumina também me tortura e me desanima".
Denise eu queria ter escrito essas frases, como pode algumas almas serem tão parecidas?
Um beijo, com muito carinho.

Regina Guedes disse...

Sentimentos aparentemente conflitantes mas... sinto como se um não existisse sem o outro. Tal dualidade dar mais sabor, cor e calor. E sem esta pluralidade não teria a oportunidade de ler tão belo texto!! (Ainda bem que esta complexidade existe e você soube interpretar com palavras!!! Impossível!!!)
Beijinhos

Leo disse...

e eu não poderia deixar de concordar
eu tenho o meu país das maravilhas e é lá que me recupero de toda tristeza dessa vida.

eu faria tudo igual, aí te encontraria de novo por aqui e comentaria tudo de novo.

Beijos, Denise querida!!!!

Denise Portes disse...

Mônica,
Esse post para mim foi tão importante que vou responder um a um. Fiquei feliz que você chegou nesse momento.
Beijo
Denise

Denise Portes disse...

Maira,
Isso da uma tranquilidade, né? Muito bom ter você por aqui.
Beijo
Denise

Denise Portes disse...

Zizi,
Essa identificação de sensibilidade que encontro em você, muitas vezes, me diz que não estou sozinha.
Beijo
Denise

Denise Portes disse...

Lulu,
Muito obrigada por sua visita, eu vou lá te ver.
Beijo
Denise

Denise Portes disse...

Néia,
Você é uma querida, eu te sinto igual, como se o que eu escrevo também fizesse parte das suas palavras.
Vou dedicar esse post a você com muito carinho.
Beijo
Denise

Denise Portes disse...

Regina querida,
Obrigada por seu carinho que faz tanta diferença na minha vida, você bem sabe o quanto gosto de cada palavra sua por aqui.
Beijo
Denise

Denise Portes disse...

Leo,
Você faz parte desses encontros de amor que a gente nem acredita que exista mais. Eu encontrei você meu amigo lindo, nesse mundo virtual, aonde o coração fala e só quem sabe ouve.
Um beijo
Denise

Néia (Dulci) disse...

Denise, estou aqui emocionada...sem palavras...obrigada!
Foi muito bom, principalmente num sábado "cinzento", receber esse seu carinho, estou feliz por fazer parte do seu País das Maravilhas. Beijos minha amiga.

Leo disse...

Denise querida, fiquei super feliz ao ler suas palavras, encontros que fazem a vida ter mais cor.

Beeeeijos e desculpe a demora em vir, fds de vestibular aqui.