quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Pintando o caminho.

Ah, meu querido Brown! É muito difícil pintar um arco-íris todos os dias. Eu insisto, persisto, faço de novo. Minhas tintas derramam, às vezes, borro tudo. Amasso o papel, melhoro o sombreado e novamente da tudo errado. Mudo a tela e foco. Descobri que focar sempre da certo. Repito mantras, peço a Deus. Corro na areia, olho o mar, vou ao cinema. Recolho um punhado de alegria aqui e outra ali, para enfeitar o meu cotidiano. Não quero me inundar em lágrimas, na maioria das vezes sou sorriso. Vou abrindo as tintas, mudando as cores e pintando de novo. A gente tenta e uma hora sai um arco- íris e enche de cores a estrada e por algum tempo eu consigo seguir a luz das estrelas. É essa luz que não me deixa perder a fé.

Denise Portes

15 comentários:

LUZIA disse...

'A gente tenta e uma hora sai um arco- íris e enche de cores a estrada e por algum tempo eu consigo seguir a luz das estrelas. É essa luz que não me deixa perder a fé.'

Lindo =)

Renato Cury disse...

Olá Denise, será um prazer compatilhar com vc nossas idéias.
Sintá-se à vontade para escrever.
Seu blog também é muito chic!
Abraços
Renato Cury

meus instantes e momentos disse...

uma luz que não cega, encaminha.
que não ofusca , esclarece...
Que bom teu blog.
Maurizio

Nina disse...

Sei como é. Já passei por isso!

Mas temos que ter força e "move on!"

hehe!

Bjinhos

Nina

Macabea disse...

é incrivel como os arco iris sempre aparecem, e se não aparecem a gente pinta-o.


:)

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Denise
Nem sempre o arco-iris aparece, mas não podemos jogar fora as tintas. Sempre vale a pena recomeçar a pintar
Bjux

Vivian Mont'Alverne disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vivian Mont'Alverne disse...

É disso que precisamos!
Persistir! Seguir a luz! Não deixá-la se afastar! :)

Teresa Cristina disse...

Eu adorei essa imagem...é muito bom tentar pintar a vida e os nossos sentimentos como se fossem um arco-íris. Beijocas Denise.

Teresa Cristina disse...

Eu adorei essa imagem...é muito bom tentar pintar a vida e os nossos sentimentos como se fossem um arco-íris. Beijocas Denise.

Confissões de uma borboleta disse...

Oi Denise...
Nas horas vagas eu pinto telas.
Não faço isso há um bom tempo e sinto falta...As cores me arrebatam e me salvam. Adorei o texto...Beijos

Paula disse...

Deu pra respirar mais leve agora so de imaginar um arco-iris cheio de cores; tem tanto tempo que eu nao vejo um! :~
Nem preciso falar que adorei neh!?
E eh isso, temos que desenhar nosso arco-iris todos os dias, independente se tempestades invadirem 'o ceu' ;]

Beijos.

Mi Satake disse...

De, q saudade!
Q bom passar aqui!

Bjão pra ti e sigamos com fé que nossas cores, chegarão lá!
E q arco iris bonito ao final do trabalho!

Bj bj bj

Lily disse...

Dizem que quem pinta, os males também espanta. Eu pinto o cabelo, pinto as unhas, pinto uma ideia nova, pinto uma possibilidade, pinto qualquer coisa para ver se a coisa melhora quando tudo fica sem cor ou desbotado de morrer.

Beijos!

Regina Guedes disse...

Quando venho aqui vejo que há sempre um arco-íris me esperando com um lindo sorriso me dizendo seja bem vinda!! Mas em alguns dias vejo um belo céu estrelado cheio de esperanças aguardando o raiar do dia. É assim que vejo você.
Beijinhos