quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Natal

 Noite de Natal, todas as reflexões e emoções transbordam em nossos pensamentos. Momento de confraternização nos aproxima no findar de mais um ano. Um olhar mais sensível e mais profundo para todos os acontecimentos, dos amigos que nós escolhemos a família que temos. A vida que levamos, sempre aumenta como uma lupa em nossas almas ao final de cada ano. O espírito cristão nos deixa tomado de pensamentos. Os meus sinceros votos de pensamentos elevados, que cada um de nós tome conta do que pensa para que o mundo receba mais vibrações boas. Eu acredito que nessa corrente elevada de vibração, juntos, teremos um planeta melhor para viver.

Denise Portes

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Reflexão na Urca.

 Eu te perdoo porque sei da sua solidão, da sua falta de amor verdadeiro e por todos os outros motivos ligados ao que somente eu conheço. Te amo por sua confiança e essa entrega diferente do padrão, esse jeito de lidar com outras formas de manifestar o seu afeto, dentro tantos desafetos vividos. 
Já não consigo te olhar com olhos iludidos, você não é mais projeção, você é realidade. E a beleza dos nossos momentos é construída, pois juntas lutamos por uma relação de amizade maior, onde a vida só vale a pena de mãos dadas.

Denise Portes

domingo, 21 de dezembro de 2014

sábado, 20 de dezembro de 2014

Feliz aniversário meu amigo Luiz Carlos Góes.

Eu gosto do facebook, tem fofoca, rabugices, resmungos, festas, notícias, políticas, revoltas, cada um dá o que tem e fala o que pode e quer falar. Você fica sabendo que fulano foi esquiar nos Alpes Suíços, outro fez churrasco na beirada do Rio, festas, eventos, fotos do mundo todo, frases de poetas, pensamentos, uma delícia. E os aniversários? Uma maravilha não esquecer mais. Porém o que mais me intriga são os pedidos de amizade, tipo: Sebastião, que um dia eu conheci no Ceará me pede em amizade e olha a minha surpresa quando descubro que ele é amigo da Alice, minha amiga de curso de roteiro em São Paulo, que por sua vez me encontrou aqui porque é amiga da Bárbara que fez faculdade de odontologia comigo. A Bárbara é conhecida da Mirna do curso de antroposofia, ela é amiga da garota que comprou uma casa em Natal com a Mariana. 
Isso sem falar dos corações virtuais que passam a fazer parte das nossas vidas, amigos de alma. É o mundo virtual entrelaçando a linha dos nossos destinos. 
Uma pena que ainda não temos as conexões virtuais com o mundo espiritual através do face. Ah, tantas coisas pra saber dos meus amigos que estão por lá. Como eu sei que hoje tem festa no céu, aniversário do meu querido Luiz Carlos Góes, deixo meu beijo e peço à galera que vai a festa: Carlos Augusto Strazzer, Duse Nacarati, Claudio Gaya, Marco de Maria, Vicente Pereira, Mauro Rasi, Claudia Magno, tantos saudosos amigos, que entregue as minhas saudades e o meu beijo ao meu amado Luiz.
Denise Portes 

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Fim de semana.

Eu quero tantas coisas, outras tantas eu já abri mão. 
Acreditei, entreguei, falei, escrevi e em tudo apostei demais. 
E se tratando do jeito que sou, nem adianta eu me arrepender, mas ainda assim, eu me arrependo muito do que não fiz. 
Está certo dizer que estrelas estão no olhar de alguém que o amor nos elegeu pra amar. Quem guarda os segredos do meu coração é Iemanjá, ela é quem leva para as ondas do mar qualquer mal que aqui está.

Denise Portes

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Pureza

Vinícius Crivellari

É proibido perder a pureza e a autenticidade, são eles que sustentam a nossa alma e nos conectam com o mundo espiritual. Elevar o pensamento é sempre o lugar de partida para a paz interior.

Denise Portes

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Coisas do coração.

O mundo, lugares, pessoas, pensamentos, tudo muda quando estamos bem com o ser amado.

Denise Portes

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Mudança.

É fundamental neste momento planetário estar conectado com boas energias e as melhores fontes de pensamentos positivos. As vibrações que não somam e não fazem crescer tem que ser descartadas e rapidamente, muitos sabem disso. Todo meu entendimento do mundo e das pessoas me chega pela sensibilidade e percepção do outro, por esse motivo é tão difícil mexer nas relações que escolhi. Nós passamos a vida escolhendo as pessoas que vão viver ao nosso lado e essa escolha é cotidiana. Quando percebemos que um relacionamento nos é nocivo é o momento de mudar.

Denise Portes

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

domingo, 14 de dezembro de 2014

sábado, 13 de dezembro de 2014

Cumplicidade

A cumplicidade é uma conquista diária, 
mas amor nós reconhecemos nos olhos.

Denise Portes

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Em silêncio

Eu ando muito sem vontade das palavras, o silêncio fez morada em minha alma. Observo atitudes e as minhas falas, meu comportamento e a direção do meu pensamento. Tudo me parece desbotado e sem graça. A correria do mundo a falta de atenção das pessoas, ninguém mais ouve, todo mundo quer dizer algo. Quanto a mim, neste momento, não quero dizer nada.

Denise Portes

domingo, 7 de dezembro de 2014

sábado, 6 de dezembro de 2014

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Tanto amar.

“Amo tanto e de tanto amar
Acho que ela acredita
Tem um olho a pestanejar
E outro me fita.
Suas pernas vão me enroscar
Num balé esquisito
Seus dois olhos vão se encontrar
No infinito”.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

A música do dia.

"Socorro não estou sentindo nada
Nem medo, nem calor,nem fogo não 
vai dar mais pra chorar nem pra rir
Socorro alguma alma mesmo que penada
Me entregue suas penas
Já não sinto amor, nem dor
Já não sinto nada."

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Sobre os encontros.

Quando nós encontramos o nosso cúmplice no universo finalmente nós começamos a viver a nossa lenda.

Luiz Carlos Góes 

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Renovando o voo.

Escolhas são feitas o tempo todo, conforme mudamos a direção do nosso voo ou fazemos novas escolhas à vida nos mostra outros caminhos.

Denise Portes

domingo, 30 de novembro de 2014

Noite de amizade, amor e carinho, dedicada ao nosso amado Luiz Carlos.

O teatro lotado, o camarim em sorrisos, os amigos se reencontrando e compartilhando a alegria deste momento. Estávamos comemorando a obra do Luiz. Era tanta estrela, arte e talentos, corações pulsando de alegria e amor.
Nós reunimos em uma noite de gargalhadas e lágrimas, teve nó na garganta e sorriso frouxo. O Amir Haddad a nós lembrar que artista tem sangue “O positivo” é doador universal. 
O Luiz era assim, um doador, dramaturgo das gargalhadas, cheio de amigos inteligentes, engraçados, ousados. 
Ele acreditava em gente, ele acreditava na gente. 
Obrigada Joaquim Vicente por nos proporcionar essa noite de união e confraternização para acalentar a dor de todos nós e transformar essa perda em comemoração. 
Obrigada Luiz Carlos Góes, essa alegria é você e assim será sempre e para sempre  .

Denise Portes

sábado, 29 de novembro de 2014

Poesia

Vou-me embora pra Pasárgada
Lá sou amigo do rei.

Manuel Bandeira

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Lição de casa

Não vamos enlouquecer, nem nos matar, nem desistir. Pelo contrario: vamos ficar ótimos e incomodar bastante ainda.

Caio Fernando Abreu

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Sobre o amor.


Remar, re-amar, amar! 
Mesmo se esse barco estiver furado. 

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Ai... ai...

"Aprendi com a dor nada mais é o amor 
que o encontro das águas".

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Cantando.



"E são tantas marcas
Que já fazem parte
Do que eu sou agora
Mas ainda sei me virar".

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Dois tempos de Caio.

Amor não resiste a tudo, não. Amor é jardim. Amor enche de erva daninha. Amizade também, todas as formas de amor.

Porque é tão mais fácil aturar a vida sabendo que tem você. Agora sem você, meu amigo, a coisa é feia. Realmente feia.

domingo, 23 de novembro de 2014

Sonhos


Não tenho certeza de nada, 
mas a visão das estrelas me faz sonhar.

 Van Gogh

sábado, 22 de novembro de 2014

Velho - Novo amigo.

Para mim ainda é surpreendente quando alguém novo chega à minha vida, como o vento que entra pela janela. Como são delicados os encontros de alma, o pensamento silencioso de quem pergunta: Onde você estava que eu ainda não tinha te encontrado?  É quando a luz dos olhos meus e a luz dos olhos seus se transformam em um só brilho.  Em uma enxurrada de versos e poesia, eu me revelo e tu te revelas. Não precisamos passar a vida a limpo, pois agora temos todo o tempo do mundo, podemos ser plenos, pois a intimidade já foi estabelecida em uma cumplicidade que veio do universo. 

Denise Portes

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

O sonho - Clarice Lispector

Sonhe com aquilo que você quer ser,
porque você possui apenas uma vida
e nela só se tem uma chance
de fazer aquilo que quer.

Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.

As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
que aparecem em seus caminhos.

A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem
a importância das pessoas que passaram por suas vidas.

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Tem dias que sentimos igual.

Tenho cabeça, coração e me respeito. Acredito em sonhos, não em utopia. Mas quando sonho, sonho alto. Estou aqui é pra viver, cair, aprender, levantar e seguir em frente. Sou isso hoje, amanhã já me reinventei. Sou complexa, sou mistura. Me perco, me procuro e me acho. E quando necessário, enlouqueço e deixo rolar. Não me doo pela metade, não sou tua meio amiga nem teu quase amor. Ou sou tudo ou sou nada. Não suporto meio termos."

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Clarice.

Está faltando o sonho no que eu escrevo. Como viver é secreto! Meu segredo é a vida. Eu não conto a ninguém que estou viva.

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Segunda - feira

É segunda – feira, eu pensei ao abrir os olhos essa manhã, dia claro, luz do sol que vai invadindo as frestas da janela do meu quarto. Clara manhã, pensamentos bons, semana começando, sentimento de gratidão. É preciso agradecer, pensei enquanto espreguiçava calma antes de correr para os braços da semana que se inicia. 

Denise Porte

domingo, 16 de novembro de 2014

Versos de amor 2.

Quem sabe o amor que cada um sente é a projeção do que o coração desenha? Nunca queremos perder o vício das sensações, eu pensei essa manhã enquanto olhava as montanhas nubladas lá no horizonte. É esse colorido que escolhemos todos os dias que alegra a alma. Amar é um deserto e seus temores e também o sentir com todos os sabores. 

Denise Portes

sábado, 15 de novembro de 2014

Versos de amor.

O amor é misturado, 
sempre tem dois lados qualquer ser amado,
Vez ou outra é flor e outras é dor.
Uma desculpa aqui, um perdão ali,
Amor construído é deste jeito.
Não deixe ideia de não ou talvez, 
o talvez sempre atrapalha. 

Denise Portes

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Talvez...


Talvez lavar a alma seja isso: 
descobrir que pequenas esperanças são à prova d'água.

Renata Carneiro

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Adeus Manoel Barros.

Um fim de mar colore os horizontes.

Manoel Barros

Ausência.

Eu comecei a sentir dores físicas de saudades suas. Sua ausência me devora, a angústia da distância dói, porém o prazer da presença me consome. O silêncio traz vozes para o meu coração. 

Denise Portes

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Amigas

 
Quando é amor invade e fim.

Djavan

terça-feira, 11 de novembro de 2014

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Curta metragem : "O Presente"

 
O sonho se transformando em realidade.

domingo, 9 de novembro de 2014

O valor do não.


Nem sempre se vê lágrimas no absurdo, 
quantas vezes um não abre mil portas? 

Denise Portes

sábado, 8 de novembro de 2014

Sonhos



Eu realmente sinto angústia quando percebo pessoas que não acreditam nos sonhos. Que elas façam isso com elas tudo bem, mas tentar me convencer que os meus não serão realizados, não consigo me relacionar. 

Denise Portes

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

As vezes é assim...

Algo parte em nós quando o amor machuca, fica tão cheio de ruídos. Tudo fica meio sem gosto quando a certeza da decepção se revela em atitudes tortas, palavras que ferem como uma bofetada. As vezes é assim, ainda bem que é as vezes. 

Denise Portes

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Copacabana

Hoje andando pelas ruas de Copacabana eu fiz essa foto,
quando acabei de fotografar ela acordou e sorriu.

Denise Portes

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Fim de noite.



Eu preciso do silêncio da casa dormindo, das luzes se apagando devagar depois das escovas molhadas no banheiro e as janelas que fecho uma a uma. Neste momento os meus pensamentos desaceleram e a calmaria vai tomando conta do espaço. Leio o livro de cabeceira, que no momento muito me encanta, vou para um mundo que não é meu.  Apago a luz e penso no dia que se foi com certa ternura, pois já não me permeia mais a irritação. Muitas vezes me vem o desejo inventado por tantas coisas, ou pessoas e situações. Quando a noite se torna madrugada e meu coração fica longe do seu, já nem te amo mais, afinal a lua já está alta e meus poemas somem no horizonte e durmo tranquila e profundamente. É que amanhã vai ser outro dia. 

Denise Portes