domingo, 28 de novembro de 2010

Escancarado.

Eu não vou negar que sou louca por você,
Que sem você meu mundo não estaria completo.
Meu amor por você nunca foi discreto, ele foi escancarado.
Pelos olhos, pela pele, nosso amor flui pelos poros.
Você me faz feliz, sim, você me faz muito feliz.

Denise Portes

"Não sei como me defender dessa ternura que cresce escondido e, de repente, salta para fora de mim, querendo atingir todo mundo."

Caio Fernando Abreu.

8 comentários:

Júlia Santos disse...

Lindo aqui querida.
Belo o poema. Adoro Caio F. de Abreu.
Beijo :*
Seguindo-te.

Bloguinho da Zizi disse...

Querida Bruxinha
Hj venho pra te oferecer um selinho de Natal.
É só uma maneira simples de agradecer todo o carinho que recebo de cada um que passa pelo bloguinho.
Beijinho
Zizi

Teresa Cristina disse...

Oi Denise, como é bom se jogar para o amor. Confesso que tenho dificuldades, às vezes ponho um pezinho no freio. Mas a gente vai melhorando. Beijos e ótimo domingo. Espero que as coisas estejam melhores no Rio.

'Lara Mello disse...

Romântica, viu!

Néia (Dulci) disse...

Aqui os seus delírios estão sempre sutilmente escancarados, as emoções não ficam escondidas, ficam mais lindas ainda quando conosco partilhas.
Beijos querida Denise.
Bom domingo!

Gaby Soncini disse...

O sentimento por vezes é tã forte que sai por todos os cantos do mundo.

Lindo Denise.

Grande Beijo!

Andressa Keka disse...

caio descrevendo-me sempre.

Denise disse...

Caio F. de Abreu é "qualquer coisa" de fantástico, e o seu jeito de amar que transcende, escancara mesmo, adorei!
Bjos, xará!