sábado, 2 de abril de 2011

Um jeito de ser...

São tantos os mistérios do coração e os caminhos da vida, que deixar o silêncio entrar e se instalar como um posseiro nos faz enxergar além. Não é preciso fechar os olhos e nem apagar a luz, apenas sentir, observar e querer ver. A maioria das pessoas acha boa a confusão interna, a pergunta sem resposta, o cotidiano.
Eu não me contento com pouco, sempre fui sem medo contra os meus medos. Eu não consigo viver no raso, no superficial, procuro borboletas com lanternas e descubro tesouros lindos dentro de cada um. São as teias da sensibilidade é o meu jeito de ser e de sentir.

Denise Portes

7 comentários:

'Lara Mello disse...

Você é sábia de conseguir ver coisas boas nas pessoas.. Sorte!

Miguel Eduardo Gonçalves disse...

Belo texto!
Quisera todos tivessem um ideal tão nobre e eficaz: adaptar-se à vida buscando o saber mais sobre tudo o que constitui o mundo, como p.e. , dúvidas, ânsias, angústias, sem se dispersar pelos temores, almejando chegar ao além que na alma reside!
Abs., Miguel-

@monnielobo disse...

Gosteei ;)

Alê disse...

Sábio.

O pior caos sempre está dentro de nós mesmos.

Mas enfrentar esse caos, se conhecer, nos dá a oportunidade de descobrir lindos tesouros nos outros também... E tem tantos!!!


Bj

Paula disse...

Esse veio direto no coracao e na minha mente hj!
Parece que era o que eu precisava ouvir ;]

Beijos Denise!
Eu vou, mas volto sempre!

Danny disse...

Ola linda
Adoro suas palavras.

Vim desejar um ótimo final de semana.Beijocas

Anônimo disse...

Adorei!
Belas palavras minha amiga!
Beijos meus e um bom final de semana pra ti!