quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Amor eterno amor.


Ninguém escolhe quem deve amar,
Amor vem como vento, invade o olhar, a pele, o coração.
Instala no peito e toma conta da cabeça, da vida.
Muda o foco.
Passada a paixão avassaladora se transforma e vira amor.
Ouro conquistado em convivência, cumplicidade.
É um diamante o companheirismo.
Deixa a vida colorida
Enche de esperança o sentir.
Quem tem um amor de verdade
Ganhou da vida um brilhante.
É preciso reconhecer e zelar.
Pois não é qualquer pessoa
Que o amor elege para amar..

Denise Portes

4 comentários:

Luzia Trindade disse...

Ah.. que lindo e verdadeiro!

ZINA, . disse...

Lindo, lindo Denise querida!!!

Beijos meus...

Rita Pacheco disse...

Exato!
Amor não se escolhe, simplesmente acontece!
Bjs
RITA
www.olharesedetalhes.blospot.com

Nana Andrade disse...

Coisa mais linda Denise!!!

To bem vivendo algo assim viu. Um amor tranquilo, de doação simultânea, de planos, e sonhos..

É bem assim...

Bjs, Nana