quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Serenidade

Todas as vezes que a ansiedade toma conta do meu cotidiano, Um toque de calma envolve minha alma, o som de uma flauta suave embala meus pensamentos. É muito difícil ser sereno com dias corridos, com a vida que passa como se fosse um filme acelerado. Lá dentro em um lugarzinho, onde somente o silêncio passeia, eu encontro forças para desacelerar e acalmar as energias que precisam estar concentradas nas metas que eu almejo alcançar.

Denise Portes

4 comentários:

Helcio Maia disse...

Denise, essa flauta faz uma falta....

Mari Rehermann disse...

E como é difícil mesmo desacelerar!!

Tenha um excelente dia, com muita paz e luz!!
Beijinhos!!♥

Gilvânia Souza disse...

Denise,
Precis0 urgentemente de uma flauta dessas!!!
Ando atropelando a vida em cada esquina,
esquecendo os sonhos e os sorrisos...
acho que já nem sei mais como se vive...

Triste realidade...
Verdadeiro texto!

Beijo carinhoso!

KAS DEVENIR MONSTRE disse...

Todos precisamos de uma flauta.. Tem dias que quero sumir.. Para ouvir seu som. Adorei o texto.