quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Filosofando

Matas rosa, lua cheia que grande enfeita o céu. São as fotografias e a luz que emana da noite e do dia que muda toda a minha filosofia de vida. Quero o doce do seu fel e o amargo do seu mel, pois tudo tem duplo sentido quando se quer atirar e viver intensamente. Viver é o escândalo precioso quando com olhos sensíveis procuramos enxergar além da vida e deixar ser tocado pela beleza infinita do que mexe em nossos corações.

Denise Portes

2 comentários:

Mari Rehermann disse...

Lindo, Denise!! Tudo tem duplo sentido, dois lados, duas maneiras de interpretar...

Que tenhas um feriado feliz ao lado das pessoas que amas!!

Beijinhos!♥

Gaby Soncini disse...

Tudo que mexe sinceramente o nosso coração nos eleva a alma, assim como seus escritos Denise!

Beijos!