terça-feira, 10 de abril de 2012

Aprendizado.

Doce são os meus encantos e amargos os meus abismos. Sou solta de amarras e preconceitos, porém tenho os meus conceitos e o meu tempo de digerir e entender a minha loucura. Não gosto dos labirintos, mas preciso deles para crescer e quando da cinza eu resurgir vou me sentir forte, feito uma fênix.
Para eu não esquecer repito sempre:
- Aprendi, cresci, transformei, sobrevivi, mais uma vez, de novo catei cacos e transformei em histórias a oportunidade que a vida me deu. Puro são os meus sentimentos e sábia a minha alma.

Denise Portes

8 comentários:

Alê disse...

Dê,

Que coisa linda pra se ler cedinho: pra saber que nas minhas fraquezas, sempre posso me 'encontrar'



bjkas

ZINA, . disse...

Sim, tua alma é sabedoria pura Denise, já tinha perbebido isso. Por isso te admiro!

Beijo querida.

Gaby Soncini disse...

Sempre dá para escutar o som da sua alma com seus escritos Denise.

Grande Beijo!

Angélica Lins disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Angélica Lins disse...

Sempre uma ternura exposta até o osso.

Sempre delicioso vir aqui.
Saudades... Beijo

remall disse...

Alguns mantras são pereitos...
esse é um deles.
Só podia ser de um mangá.
Adorei !

Gilmara Wolkartt disse...

O mais importante é aprender com aquilo que a vida nos apresenta.
Gd beijo

Fabi Anselmo disse...

Bendita hora esta em que eu te 'achei', Denise. Estou apaixonada por tua escrita. Tu só podias ser aquariana, mesmo! Bjus