quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Tempestade em copo d’água.

Existem momentos que a vida vira tempestade e nossos medos crescem e ficamos padecendo de nossas sombras e das nuvens que fazem morada em nosso interior. Eu vou tentando aprender um dia após o outro, diluindo as angústias com pensamentos que vagueiam e que me levam a agradecer o prazer de respirar.

Denise Portes

2 comentários:

ᄊム尺goん disse...

boa pedida...um dia de cada vez!

abç

Gaby Soncini disse...

Sempre há dias que aumentamos mais a tempestade com nosso olhar.

Beijos!