sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Amor, sempre o amor.



O amor dá essas voltas engana o coração, muda o nosso olhar para horizontes distantes, vasculha nosso intimo e conversa diálogos internos enormes. Esse sentimento que inunda a alma que faz perder a calma, o chão, a visão, nubla tudo.. É que a redenção vem sempre na cumplicidade do sentir do ser amado.

Denise Portes

Um comentário:

Milene Cristina disse...

Ah o amor. Tão difícil de entender e tão bom de sentir.