quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Escolha.

Não consigo regar o medo, a melancolia, a angústia ou tristeza... 
Eu procuro deixar esses sentimentos passarem por mim.  Eu os sinto, mas não me apego a eles. Enxergo luz no fim do túnel e a realidade a meu ver tem muitas cores bonitas. As pessoas que gostam de viver na penumbra em nada me atraem. Eu amo ser feliz.

Denise Portes

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

O meu mundo

O meu mundo eu posso e devo pintar da cor 
que os meus olhos enxergam.

Denise Portes

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Ansiedade

Eu acho que a angústia nasce da ansiedade. O aperto no peito, o sentir não sei o que, que vem de não sei onde. Eu fui observando os pensamentos em desequilíbrio e procurando de onde tudo começou, onde foi que meus pensamentos se perderam e entraram em desordem. Entrei em contato com a ansiedade que detonou todo um processo. Bingo. Respira, ins-pira e não pira.

Denise Portes

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

A paz.

O tempo passa numa velocidade do universo e isso sempre foi tranquilo. Intranquilo é o nosso coração que desesperado procura abrigo em lugares onde a paz não existe. E por onde anda a paz? Dentro de nós é a resposta, porém o que nos ronda é um desejo incessante de amor. E quando por uma fresta a brisa sopra e nós passamos a gostar mais da nossa companhia, lá vem o nosso amor próprio nos curar e nos abastecer de amor. Este é o momento da magia, pois tudo a nossa volta se encanta. Felizes, nos sentimos amados.  O segredo é que o amor tão procurado estava ali dentro do nosso coração.

Denise Portes  

domingo, 27 de outubro de 2013

Dom

O dom é uma graça divina 
que deve ser abençoada e consagrada sempre.

Denise Portes

sábado, 26 de outubro de 2013

Elegância


 
Não adianta procurar nos jornais, nem no nível social, nem mesmo nos mais nobres de todos os povos. Elegância vem da alma, ensinou-me certa vez o meu avô Albucacys, desde então eu venho reconhecendo almas elegantes pela vida afora.

Denise Portes

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Voando.

Voo por tudo que estou sonhando, porém de olhos bem abertos.

Denise Portes

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Os diferentes tons.

Acontece em tempo real à luz que faz sombra no meu céu, procuro nas linhas do meu universo uma explicação pra tanto amor que transborda tanta poesia que me envolve. Se eu choro ou morro de rir, cada lugar ou momento, tudo para mim vira história. As noites ficam longas e eu começo a criar na madrugada, algo muda o rumo, pois o silêncio é outro. Assim como é uma luz no fim da tarde e as luzes do amanhecer, tudo envolve, transforma e faz pensar.

Denise Portes

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Meu coração.

Não sou alegre nem sou triste: sou poeta.
Eu escrevo porque o instante existe e a minha vida nunca está completa. O que não aconteceu virou história e tudo que me cerca tem um olhar meu. Quantas vezes eu falo do não vivido, ele é o caminho do coração feito na contramão. De amor eu entendo... Será? É que nunca dói igual. Ainda assim, eu sempre me atirei no sentir sem paraquedas e muitas foram as vezes que juntei cacos e criei cicatrizes, algumas profundas. E de tudo que doeu e de todas as formas de sentir eu fui transformando o que ficou, de mais lindo e profundo, em amor. É que lá na frente eu terei uma colcha de retalhos, cheia de histórias e gente que brilhou e fez brilhar a minha vida. Eu gosto de pessoas, por elas eu invento e desinvento moda.

Denise Portes

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Música

Quando direciono o meu pensamento pra tudo que me alegra o meu coração enche de música e esse sentimento transborda pelos poros.

Denise Portes

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Escolhas

Eu ando feliz de poder ser quem eu sou. Melhorar os nossos defeitos e apreciar as nossas qualidades é exercício diário. 
Eu passei da fase de querer agradar a todos e de tentar corresponder às expectativas de alguns. Liberdade no caminho é também se responsabilizar pelos nossos atos. E se eu me enxergo como uma mangá é porque eles me retratam o mistério que sou pra mim, isso é tudo, sendo assim deixe-me ir preciso andar.

Denise Portes

Sonho

Quem tem um sonho não dança.

Cazuza

domingo, 20 de outubro de 2013

Mistérios.

Que os mistérios da vida me liberte de todo o julgamento das minhas escolhas. Que o meu olhar seja corrigido e que eu possa me perdoar de cada erro, quem tem coragem de errar pode escolher os caminhos que o faz mais feliz.

Denise Portes

sábado, 19 de outubro de 2013

Uma viagem interna,

Quando eu era pequena adorava estudar história, o descobrimento da América, os navios e as viagens dos portugueses e suas grandes embarcações. Eu gosto do mar, de tudo que vive por lá e de passear nos barcos. Eu sempre quis morar perto do oceano. 
Certa vez me disseram que na umbanda sou filha de Iemanjá, rainha do mar, com Oxossi, o rei da mata, não entendo nada disso.
O fato é que vivo em uma cidade, que amo, cercada de montanha e mar. Ando pelo mundo prestando atenção nas cores, do céu, do mar, das montanhas e sou uma eterna apaixonada pela lua. Sinto a sensação de estar em um grande navio e observando o mundo com olhos cor de rosa. Está tudo acesso em mim, tudo claro. A natureza me acalma, ando navegando por lugares profundos e encontrando sentimentos empoeirados nos porões da minha alma.

Denise Portes

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Introspecção

Eu gosto dos dias de chuva, eles me guardam. A vida corre calma e a saudade que dói aumenta. A melancolia faz parte de mim e eu não nego que preciso também deste sentimento, mas não gosto de ficar abraçada com ele, como gosto da felicidade. É que eu sei que o divino sol vai chegar e resplandecer todo o meu ser e a tristeza que era senhora vai desaguar num oceano de lágrimas, que derramadas vai lavar a minha alma. E lá vem o sol me curar para mais um enorme tempo de felicidade.

Denise Portes

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Os sonhos.

A dificuldade de viver sem ilusões e lidar com a realidade cotidiana me deu uma alma de artista pra me salvar do cotidiano. Sendo assim eu compreendi que “cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é”.

Denise Portes

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Chuva interior.

Guardar os pensamentos, assim como os dias nublados guardam o céu azul, pode fortalecer as escolhas. É que a paz interior sempre aponta direções que somente o silêncio sinaliza.

Denise Portes

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Dia dos professores

As primeiras letras e palavras, os livros e todos os risos. A minha amada Amanda, a Tia elegante, a eterna professora que mora em todas as minhas recordações e para sempre no meu coração. 

Denise Portes

Cristo Redentor.

Não consigo arrumar a vida em prateleiras e viver tranquila. Na desorganização do meu coração eu me rendo a vários medos que querem consumir a minha liberdade. Aos pés do Cristo Redentor é na fé que eu firmo meu pensamento e caminho contra a tudo e todos que não conseguem ver a vida com alegria.

Denise Portes

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Coragem

Todo o começo e recomeço é difícil, pra quem não tem esperança com novas mudanças e novos rumos. Apostar que o novo transforma a alma e abre horizontes jamais vistos nos estimula a entender que seremos pessoas melhores, pois a coragem nos impulsiona e fortalece.

Denise Portes

domingo, 13 de outubro de 2013

O nosso amor.

Nós nunca sabemos o que faz o nosso coração disparar, como é que a paixão chega ocupa, tira o ar e muda todo o olhar para o mundo. É o amor que me surpreende, esse sim, sempre me deixa sem explicação. A paixão transformou-se em amor e o coração ainda derrete depois de tantos anos. O olhar virou cumplicidade e o toque é de entendimento. As falhas, pequenos desentendimentos foram diluindo. Nós somos cúmplice de um amor que construímos e esse alicerce é tão intenso e verdadeiro que me basta. Os meus olhos, algumas vezes se encantam por outros corações, porém o amor da minha vida é você e eu sei que sou eu o seu amor. Isso é tudo e tudo é isso.

Denise Portes